Terça-feira, 13 de Janeiro de 2004

Vejam Bem

Vejam bem

Que não há

Só gaivotas

Em terra

Quando um homem

Se põe

A pensar



Quem lá vem

Dorme à noite

Ao relento

Na areia

Dorme à noite

Ao relento

Do mar



E se houver

Uma praça

De gente

Madura

E uma estátua

De febre

A arder



Anda alguém

Pela noite

De breu

À procura

E não há

Quem lhe queira

Valer



Vejam bem

Daquele homem

A fraca

Figura

Desbravando

Os caminhos

Do pão



E se houver

Uma praça

De gente

Madura

Ninguém vem

Levantá-lo

Do chão


José Afonso



Vejam bem, não se paga para ver...

comemorando já os 30 anos do 25 de Abril 74
publicado por CONSTALVES às 13:51
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Caetano Veloso

. Andrea Paes

. Samih al-Qasim

. W. H. Auden

. Ana Marques Gastão

. Eva Christina Zeller

. Casimiro de Brito

. Ana Luísa Amaral

. Fiama Hasse Pais Brandão

. Daniel Faria

.arquivos

. Agosto 2008

. Janeiro 2008

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Abril 2005

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds